Como pagar seu IPTU nos caixas eletrônicos do Banco24Horas?

Pague seu IPTU de forma segura e prática nos caixas eletrônicos do Banco24Horas
Por Banco24Horas
17/02/2023
format_align_left 6 minutos de leitura

Com praticidade e segurança, você pode utilizar mais de 24 mil caixas eletrônicos distribuídos por todo o Brasil para manter esse imposto em dia

Não tem escapatória! Todo início de ano nos deparamos com contas extras como IPVA, matrículas, cartão de crédito, imposto de renda etc. Entre esses gastos, permanece firme e forte um imposto cobrado pelos municípios brasileiros: o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). Em janeiro, você deve ter recebido esse boleto na sua casa e agora chegou o momento de realizar o pagamento! 

Existem diferentes formas de quitar essa conta, mas o Banco24Horas apresenta uma solução simples, prática e segura para você resolver sem estresse essa tarefa. Dentre os mais de 90 serviços disponíveis nos nossos caixas eletrônicos, está a opção “Pagamento de IPTU”. 

Para efetuar essa transação, primeiro você precisa consultar no site ou app do Banco24Horas se a sua instituição financeira oferece esse serviço. Após a confirmação, separe o seu cartão bancário, o boleto do IPTU e localize um dos nossos caixas eletrônicos mais próximos.

Inicie a operação colocando o cartão no local indicado na máquina. No menu de serviços, escolha “Pagamentos” e selecione a opção “IPTU” ou “Pagamento com código de barras”. Na sequência, posicione o código de barras no leitor ou digite os números correspondentes. Importante! Verifique se está utilizando o código correto, pois você pode pagar o IPTU parcelado ou à vista – e cada uma dessas opções tem códigos de barras diferentes!

Depois disso, basta confirmar os dados e seguir as instruções que aparecerão na tela do nosso caixa eletrônico. No final, aguarde a impressão e retire seu comprovante de pagamento. Simples, não é?

Pagar boletos no Banco24Horas é garantia de praticidade. Você não precisa enfrentar filas nos bancos e correspondentes bancários! Baixe o nosso aplicativo em seu smartphone (disponível na Google Play e App Store) e encontre com agilidade um dos nossos caixas eletrônicos localizado mais próximo de onde você estiver!

Conheça um pouco mais sobre o IPTU

O Imposto Predial e Territorial Urbano é uma taxa cobrada de quem tem um imóvel urbano. Pode ser casa, apartamento, sala comercial ou qualquer outro tipo de propriedade localizada em uma região urbanizada.

Informações gerais:

Imposto cobrado pelas prefeituras.

Cada cidade escolhe os critérios para a sua cobrança.

O valor dele varia conforme a avaliação do imóvel (valor venal).

Estão isentos do IPTU imóveis residenciais com valor venal igual ou inferior a R$ 41.896,25

Do total de 315 mil inscrições municipais, cerca de 16 mil receberão isenção ou descontos no IPTU.

A base de cálculo do IPTU será de 100% do valor venal do imóvel, sendo aplicadas duas alíquotas possíveis: 0,4% para imóveis prediais e 2% para imóveis territoriais.

Todo o dinheiro arrecadado com o IPTU fica no município e pode ser usado em obras na cidade.

Além disso, aqueles que optarem pelo pagamento de cota única, com vencimento em 13 de março 2024, terão um desconto de 10%.

O dono do imóvel é o responsável pelo pagamento do imposto. É o nome dele que virá no boleto e, se houver atraso, a multa com a prefeitura fica sob seu encargo. 

O locatário pode fazer o pagamento do IPTU para o dono do imóvel, desde que isso esteja previsto no contrato de aluguel.

Quem paga este imposto?

O proprietário do imóvel é o responsável pelo pagamento do IPTU. Ele pode ser tanto pessoa física como jurídica. Cada imóvel tem o próprio IPTU. Então, se você tem mais de uma casa, vai pagar mais de um imposto.

Se o terreno não tiver nenhuma construção, é preciso pagar o Imposto Territorial Urbano no lugar do IPTU. E quem mora no interior não está livre do imposto! Para esse caso, existe o ITR (Imposto Territorial Rural).

Contribuintes que discordarem do valor cobrado poderão entrar com um pedido de revisão até o dia 15 de abril de 2024. O requerimento deve ser realizado no site da prefeitura e precisa ser fundamentado com documentos que justifiquem a solicitação de alteração da base de cálculo

Quem é isento do IPTU?

Cada município tem suas próprias regras e condições para a isenção do IPTU. São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, por exemplo, oferecem dispensa para quem é aposentado ou pensionista. Você também pode ser isento de pagar esse imposto se o seu imóvel tiver valor venal abaixo da média estabelecida pela prefeitura.

Para contribuintes aposentados e idosos que já usufruem da isenção, os benefícios serão automaticamente renovados para 2024

O que é valor venal?

O valor venal é obtido por meio de uma avaliação feita pela prefeitura onde o imóvel se encontra. Cada município possui uma base própria para realizar esse cálculo, pois considera as diferentes regiões dentro do seu limite geográfico.

Para obter o valor venal de uma propriedade, o poder municipal se baseia no preço praticado pelo mercado. Dessa forma, ele determina o valor final do metro quadrado tanto do terreno urbano quanto da área construída ou predial.

Alguns fatores influenciam no valor venal do imóvel, como: o tamanho do terreno, a localização, a área construída e o tipo de acabamento. A base de cálculo usa essas informações para depois multiplicar o valor venal pela alíquota que cada município estabelece para o IPTU.

O valor venal de um imóvel é importante para determinar o preço de mercado desse bem adquirido. Ele estabelece, entre outros, o mínimo que os corretores de imóveis podem cobrar pelas casas e apartamentos que comercializam.

Pagar à vista ou parcelado?

Você sempre fica em dúvida se é mais vantajoso pagar o IPTU à vista ou parcelado? Bom... Primeiro é importante que você saiba que cada município pode definir o percentual do desconto que vai oferecer para esse imposto – podendo não haver redução, inclusive!

Em todos os casos, a dica é: se você tem dinheiro para quitar à vista, aproveite o desconto! O segredo aqui é fazer as contas e ter certeza de que não vai se apertar! Com a opção à vista você também não corre o risco de esquecer o pagamento nos meses seguintes. 

Outra dica é se preparar ao longo do ano para fazer o pagamento do IPTU do ano seguinte. Dessa forma, você vai juntando o dinheiro aos poucos e consegue pagar tranquilamente à vista!

Fique por dentro das nossas novidades.
Segurança financeira
Baixe o e-book sobre segurança financeira
Planilha financeira
Baixe sua planilha financeira

Mais Lidos

nathalia-arcuri
Educação financeira
7 dicas de como começar a investir com Nathalia Arcuri, do Me Poupe!
como-conseguir-descontos
Educação financeira
Como conseguir descontos e economizar (muito) dinheiro?
sacar sem cartão (1)
Caixa eletrônico
Quais operações podem ser feitas sem o uso do cartão físico?
Recomendados para você

Educação financeira para pequenos empreendedores

ESG: entenda a importância do Banco24Horas na inclusão financeira no Brasil

Como economizar no presente do Dia dos Namorados?

Economizar no presente do Dia dos Namorados é importante pra não comprometer o orçamento doméstico. Neste artigo te mostramos como!

Serviços financeiros: 5 momentos do seu dia a dia em que o Banco24Horas pode ser um aliado

Descubra como o Banco24Horas pode facilitar sua vida com serviços práticos e acessíveis para suas necessidades financeiras diárias.

Golpes financeiros: saiba como identificá-los, evitá-los e o que fazer caso caia em algum

Não é novidade que, todos os dias, os golpes financeiros acontecem em alta frequência. Saiba quais são os principais e como evitá-los da melhor forma

Saiba como sacar sua restituição do imposto de renda

Veja como sacar sua restituição do Imposto de Renda 2024 e garanta seu dinheiro de volta sem complicações.

Finanças pessoais: confira 5 dicas para colocar as contas em dia

Finanças pessoais: confira 5 dicas para colocar as contas em dia. Confira algumas dicas de finanças pessoais para colocar as contas em dia.

Novidade: boletos pagos até às 13h30 podem ser compensados no mesmo dia

Veja como o novo prazo de compensação de boletos pode beneficiar suas transações financeiras diárias.

Boleto bancário: o que é, como funciona e por que foi criado?

O boleto bancário é uma ótima opção na hora de realizar compras, tanto no físico, quanto no digital. Conheça esse modelo de pagamento e suas vantagens.

VER TODOS OS CONTEÚDOS

keyboard_arrow_right
Fique por dentro das nossas novidades.
Deixe seu email aqui (fique tranquilo, não fazemos spam)