Ainda vale a pena andar com dinheiro na carteira? Confira!

Você tem esse costume? Leia o conteúdo para saber mais!
Por Equipe do Banco24Horas
30/06/2021
format_align_left 4 minutos de leitura

A gente sabe: é comum um certo medo de carregar notas e moedas no bolso. Uma preocupação bem válida, afinal, ter o dinheiro roubado não afeta só o orçamento pessoal, mas também abala o nosso estado emocional, né? Por outro lado, com cuidado, dá pra andar com dinheiro na carteira — e esse hábito faz a diferença! Quer ver?

Em algumas situações, pagar com papel-moeda é mais vantajoso — e às vezes até necessário. No entanto, não estamos falando que você deve andar pra lá e pra cá com o salário todo do mês, viu? O ideal é planejar os pagamentos e reservar um dinheirinho no bolso pra quando precisar.

Ainda tem dúvidas se andar com o dinheiro vale a pena? Então, vem com a gente, que vamos explicar!

Andar com dinheiro na carteira ainda faz sentido?

Sim! Mesmo com as inovações do sistema financeiro — Pix, aproximação, leitura de Código QR, cartão de crédito e débito etc. —, o dinheiro ainda é o principal meio de pagamento dos brasileiros.

De acordo com uma pesquisa do Instituto Locomotiva, 71% das pessoas ainda usam o dinheiro em espécie pra fazer os pagamentos do dia a dia.

Ainda tem uma questão social e econômica importante aí. A produção do dinheiro e a circulação dele garante a inclusão financeira de milhares de brasileiros que não têm conta em banco. Mas tem mais motivos pra andar com dinheiro na carteira. Olha só!

Grande aceitação

Mesmo se a internet cair, a máquina de cartão falhar ou o sistema do banco ficar fora do ar, o pagamento em dinheiro pode ser feito. Ele é aceito em praticamente todo lugar e em qualquer circunstância.

Aliás, nem todos os pequenos comércios e profissionais autônomos têm maquininha pra receber pagamento. Por isso, pagar em dinheiro é uma forma de movimentar a economia e ajudar esses microempreendedores.

Melhor controle financeiro

Ao andar com dinheiro na carteira, suas possibilidades de gastos são limitadas. Se você sai de casa com R$100,00 pra comprar uma mochila, por exemplo, não poderá gastar nenhum centavo a mais, né?

Com cartão em mãos, é possível cair em tentação, comprar algo mais caro e ainda contrair dívidas com parcelamentos. Sendo assim, usar dinheiro é uma forma de controlar melhor as finanças e evitar compras por impulso. Inclusive, esse passo é importante pra conquistar a liberdade financeira.

Suporte em situações emergenciais

Imagine que surgiu um vazamento de água na sua casa durante o final de semana. Você precisa de um encanador urgente pra resolver o problema, certo? E se o profissional não aceitar cartão, o que você faz? O ideal é andar com dinheiro na carteira pra contemplar essas e outras emergências.

Acesso a descontos

Pra aceitar cartão, o empresário tem custos com aluguel da máquina e taxas que encarecem as operações. Além disso, os valores não entram no caixa da empresa na mesma hora.

O dinheiro em espécie oferece mais liquidez ao negócio e gera menos custos. Daí os comerciantes podem repassar essa economia aos consumidores em forma de descontos. É por isso que vale mais a pena pagar as compras à vista e com dinheiro.

Mais: o consumidor tem maior poder de negociação nessas circunstâncias. Se você pretende comprar algo que custa R$30,00, por exemplo, mas só tem R$ 25,00 na carteira, pode fazer essa proposta ao vendedor. Não custa nada tentar, né?

Como se organizar pra ter dinheiro sempre em mãos?

Se você chegou até aqui, já percebeu que andar com dinheiro na carteira ainda é importante, certo? Mas calma que não é pra circular por aí com o salário inteiro no bolso, combinado?

O ideal é levar em conta a sua rotina pra calcular o valor necessário para o dia a dia. Vamos dar algumas dicas nesse sentido agora!

Pense no seu objetivo

Vai à padaria que fica na esquina da sua casa? Então, não precisa de muito dinheiro nessa situação. Basta levar o valor necessário pra pagar pelo pãozinho.

Agora, se o destino for mais longe e o período na rua for maior, é interessante ter dinheiro para uma garrafinha de água, almoço, transporte público etc.

No caso de viagens, vale levar um extra ainda mais gordinho. Isso, porque nem sempre os postos, borracharias e oficinas de beira de estrada aceitam cartões.

Planeje as compras

Planejamento é a palavra-chave nesse momento. Sabe por quê? Se você tem o intuito de comprar um fogão novo no próximo mês, por exemplo, já precisa se programar pra ter o dinheiro em mãos quando precisar, certo?

Sendo assim, nossa sugestão é planejar toda a sua rotina. Isso vale para as compras de supermercado, açougue, farmácia, vestuário e por aí vai. Ao organizar tudo direitinho, você sabe quanto e quando vai precisar do dinheiro.

Tenha atenção com a segurança

É legal seguir regrinhas básicas de segurança pra não perder seu precioso dinheiro — seja por distração ou roubos. Por exemplo:

  • mantenha a carteira em local seguro;

  • divida o dinheiro em diferentes bolsos;

  • mantenha bolsas e mochilas próximas ao corpo;

  • evite transitar por locais isolados e com pouca iluminação;

  • quando precisar abrir a carteira, faça isso discretamente pra que as pessoas ao redor não possam ver o dinheiro que você tem nela.

Identifique o Banco24Horas mais próximo

Pra não ficar andando por aí com muito dinheiro em mãos, nossa dica é identificar onde tem caixas eletrônicos pelo seu caminho. Assim, você leva uma pequena quantia no bolso e, em caso de qualquer imprevisto, saberá aonde ir pra fazer o saque.

E não precisa ir muito longe não, viu? Sempre tem um Banco24Horas perto de casa, do trabalho ou da faculdade pra garantir praticidade no seu dia a dia.

Como fazer saque grátis do Banco24horas?

Você sabia que a Resolução 3.919/2010 do Banco Central determina que todo brasileiro que tem conta corrente tenha direito a, no mínimo, 4 saques grátis por mês? Isso vale tanto para as operações feitas em caixas eletrônicos da própria instituição financeira quanto no Banco24Horas.

Sendo assim, é possível aproveitar as vantagens de usar dinheiro sem gastar nada a mais com isso. Basta se organizar financeiramente e fazer saques semanais no valor suficiente pra cobrir as despesas do período.

E o processo é bem fácil: é só encontrar um Banco24Horas próximo a você e fazer a operação com ou sem cartão. A validação pode ser feita por meio de senha, biometria, token, código QR ou SMS.

No entanto, lembre-se de que a regra vale apenas para conta corrente, combinado? No caso da conta poupança são dois saques gratuitos por mês. Já as contas de pagamento — que, geralmente, são oferecidas pelas fintechs — não seguem a mesma regra.

Andar com dinheiro na carteira vale a pena sim. Afinal de contas, além de socorrer em situações emergenciais, pagar com notas e moedas facilita o controle financeiro e pode garantir bons descontos. E economizar nunca é demais, né?

Gostou do conteúdo e quer saber mais sobre o assunto? Então, veja também o que é dinheiro em espécie e por que você deve usá-lo.

Fique por dentro das nossas novidades.
Segurança financeira
Baixe o e-book sobre segurança financeira
Planilha financeira
Baixe sua planilha financeira

Mais Lidos

nathalia-arcuri
Educação financeira
7 dicas de como começar a investir com Nathalia Arcuri, do Me Poupe!
como-conseguir-descontos
Educação financeira
Como conseguir descontos e economizar (muito) dinheiro?
sacar sem cartão (1)
Caixa eletrônico
Quais operações podem ser feitas sem o uso do cartão físico?
Recomendados para você

Quais são os melhores investimentos em 2022 para os brasileiros?

Descubra quais são os investimentos mais aquecidos para 2022 no Brasil e entenda como começar a aplicar seu dinheiro.

9 dicas para você poupar dinheiro todos os meses

Quer poupar dinheiro? Então, chegou a hora de conferir algumas dicas que vão ajudá-lo a fazer isso todos os meses!

Gestão de tempo: como ser mais produtivo?

Gestão de tempo: saiba o que fazer pra tornar seu dia mais organizado e produtivo. Confira tudo neste post!

9 curiosidades sobre o dinheiro no Brasil

Conheça o histórico monetário do Brasil e as principais curiosidades sobre o dinheiro em nosso país!

Independência financeira: o que é e como alcançá-la

Independência financeira versus liberdade financeira: entenda quais são as principais diferenças entre elas e saiba como se tornar financeiramente independente

Como viajar gastando pouco: confira 7 dicas

Planejamento é a chave para curtir uma viagem inesquecível sem comprometer o orçamento! Descubra dicas infalíveis aqui!

Ideias para festa junina: conheça as festas de cada região do Brasil

Sem ideias para montar sua própria festa junina? Descubra como acontecem os festejos em cada canto do país!

O que dar de presente no dia dos namorados?

Sem ideias para surpreender a pessoa amada no dia dos namorados? Veja as nossas sugestões para acertar em cheio no presente e tornar a data ainda mais especial!

Planejamento financeiro familiar: entenda o que é e como implementá-lo

VER TODOS OS CONTEÚDOS

keyboard_arrow_right
Fique por dentro das nossas novidades.
Deixe seu email aqui (fique tranquilo, não fazemos spam)
Téo ChatBot