Pensando no que fazer com o 13º salário? Temos 6 dicas pra você!

Confira nosso post e saiba como fazer o seu 13º salário render mais!
Por Equipe do Banco24Horas
30/11/2020
format_align_left 5 minutos de leitura

Chega o fim do ano e logo surge aquela dúvida que tira o sono de muitos brasileiros: o que fazer com o 13º salário? Afinal, essa é uma boa oportunidade pra se organizar financeiramente e planejar o seu futuro.

Só que a verdade é que não faltam relatos de quem tinha mil e um planos pra esse benefício, mas, ao receber as parcelas, acabou usando o valor de outra forma.

Foi pensando nisso que preparamos este post. Vamos te ajudar a se organizar e a pensar em soluções produtivas para o uso do dinheiro, de acordo com diferentes situações que você pode estar vivendo ou planos que deseja colocar em prática.

Siga com a gente e tome nota das dicas!

1. Quitar dívidas e pendências

Pra começar, vale a pena usar o 13º salário com o objetivo de alcançar a sua liberdade financeira. Quem tem dívidas pendentes ou até mesmo que já foram negativadas junto a órgãos como SPC Brasil e Serasa pode aproveitar pra quitar os valores.

Basta lembrar que diversas empresas, como lojas e bancos, oferecem abatimentos e descontos para que o débito seja encerrado à vista, especialmente no final do ano. Além disso, há os feirões de renegociação de dívidas promovidos pelos próprios órgãos de restrição ao crédito.

"E se eu não conseguir quitar aquela conta mais atrasada porque o custo é muito alto?", você deve estar se perguntando. Nesse caso, uma boa solução é pegar parte do 13º e dar entrada em um ou mais acordos com os credores, parcelando o valor que falta em mensalidades pequenas que caibam nas suas finanças pessoais. Assim, o seu nome não fica mais sujo, e você põe fim às dívidas.

2. Criar uma reserva de emergência

Uma segunda dica é pegar o seu 13º salário, guardar o dinheiro e não fazer nada com ele. Parece estranho? A gente explica! Após recebê-lo, passe-o para a sua conta poupança, evitando movimentar qualquer centavo. A quantia vai ficar ali rendendo e disponível como uma reserva de emergência.

Ter esse tipo de reserva é indispensável, já que imprevistos não têm hora marcada pra ocorrer. Pode ser preciso comprar remédios, realizar exames ou procedimentos cirúrgicos, fazer reparos no lar, consertar aparelhos domésticos, comprar material escolar e/ou acadêmico para o próximo ano etc.

Aliás, esse pode ser o estímulo inicial pra que você adquira o hábito de reservar uma parte da sua renda mensal, pois, como diz o ditado, prevenir é sempre o melhor remédio!

3. Fazer uma vistoria no carro

Se você tem um veículo, mas a última revisão feita nele já foi há um tempinho, por que não investir o 13º salário nisso? Afinal, o cuidado com a manutenção do carro é importante não só para o correto funcionamento dele, mas, acima de tudo, para a sua segurança.

Não é à toa que a recomendação das montadoras é de que ela aconteça uma vez por semestre. Por isso, faça um levantamento de oficinas que ficam perto da sua casa e veja qual delas oferece esse serviço pelo melhor custo-benefício. Também é interessante reservar uma parte do dinheiro para eventuais compras de peças e acessórios.

4. Aplicar em investimentos

Fora as dicas anteriores, uma boa opção é fazer um investimento. Essa pode ser a oportunidade de dar os primeiros passos como investidor e de ter um pé de meia garantido para o seu futuro. Ele pode servir, por exemplo, pra fazer uma viagem, trocar de carro, dar entrada em uma casa e muito mais. Que tal a ideia?

Bancos, corretoras, fintechs (empresas do tipo startup que visam aprimorar serviços financeiros) e outras instituições financeiras oferecem um vasto leque de opções pra quem deseja aplicar o dinheiro.

Há aquelas de longo prazo e previsão certa de quanto dá pra ganhar e também as que são mais flexíveis quanto ao tempo e com possibilidade alta de ganhos. Ou seja, tem pra todos os gostos!

5. Investir na sua carreira

Tem vontade de atualizar o currículo pra ter mais oportunidades no mercado de trabalho, mudar de carreira ou, quem sabe, ser finalmente promovido? Saiba que o 13º salário pode ser justamente o que falta nessa hora!

A razão é simples: dá pra utilizar esse dinheiro pra pagar não só um, mas vários cursos livres e de capacitação. Também é possível adquirir entradas pra participar de congressos e de feiras profissionais.

Se você já for graduado, pode pesquisar por cursos de pós-graduação, como as especializações e os MBAs, que sejam ofertados com preços promocionais.

6. Comprar itens com promoção à vista

Por fim, você também pode aproveitar pra pagar por itens à vista: presentes de Natal para a família, utensílios domésticos, objetos de decoração ou pessoais etc. Essa é uma forma bem simples de fugir do parcelamento e do crediário, que comprometem o orçamento e aumentam o número de contas a pagar.

Porém, fique atento: o fato de ter como comprar à vista por estar com o 13º salário livre não significa que você tem que gastá-lo a todo custo, viu? Muito cuidado com esse tipo de pensamento, que estimula o consumismo desenfreado!

O certo é que você compre apenas aquilo de que, de fato, necessita. Além disso, pesquise em qual loja cada produto sai mais barato e faça os seus pagamentos com dinheiro pra não afetar os limites dos cartões de crédito.

Deu pra ver que não faltam maneiras de como usar o 13º salário, não é verdade? Por isso, pode se empolgar com as possibilidades, sim! Só não deixe de levar em conta todas as alternativas que a gente te mostrou aqui, refletir sobre os seus objetivos financeiros e se planejar com tempo pra aproveitar o benefício da melhor forma.

Curtiu o post? Então, siga as nossas redes sociais — Instagram, Facebook, Twitter e YouTube — pra conferir mais conteúdos sobre como melhorar e organizar a sua vida financeira!

Busca do Blog
Fique por dentro das nossas novidades.
Segurança financeira
Baixe o e-book sobre segurança financeira
Planilha financeira
Baixe sua planilha financeira

Mais Lidos

nathalia-arcuri
Educação financeira
7 dicas de como começar a investir com Nathalia Arcuri, do Me Poupe!
como-conseguir-descontos
Educação financeira
Como conseguir descontos e economizar (muito) dinheiro?
sacar sem cartão (1)
Caixa eletrônico
Quais operações podem ser feitas sem o uso do cartão físico?
Recomendados para você

Como sacar dinheiro do PicPay no Banco24Horas? Aprenda agora!

Como sacar dinheiro do PicPay no Banco24Horas? Conheça tudo sobre o assunto e aprenda o passo a passo pra usar essa facilidade!

Como sair das dívidas: um guia prático pra organizar suas finanças

Com dívidas, você precisa parar, avaliar e planejar uma saída. Do contrário, corre o risco de aumentar o problema a cada dia. Vamos entender pra resolver?

Tudo o que você precisa saber sobre reserva de emergência!

Ainda não tem uma reserva de emergência pra imprevistos? Entenda por que ela é tão importante e aprenda a criar a sua!

Como conseguir descontos e economizar (muito) dinheiro?

Você sabe como conseguir descontos? O primeiro passo é planejar muito bem suas compras. Leia o artigo pra ver mais dicas sobre como economizar!

Veja 5 dicas de economia doméstica pra aplicar a partir de hoje!

Quer alcançar seus objetivos financeiros mais rapidamente? Venha conhecer algumas práticas de economia doméstica!

Ovo de Páscoa caseiro: veja se vale a pena e descubra como fazer!

Quer aprender a fazer ovo de Páscoa caseiro? Então, veja agora mesmo o passo a passo que preparamos pra você!

Aprenda como declarar dinheiro em espécie no imposto de renda!

Sabe a multa por não declarar dinheiro em espécie? Nem precisa se preocupar com isso! A gente te ensina o passo a passo!

Afinal, vale a pena pagar IPTU à vista? Confira!

Esclarecemos de modo prático o que você deve levar em conta pra não ter prejuízo com o IPTU. Confira!

6 passos pra definir e alcançar os objetivos financeiros

Aprenda neste conteúdo como definir e alcançar seus objetivos financeiros e assuma o controle da sua vida.

VER TODOS OS CONTEÚDOS

keyboard_arrow_right
Fique por dentro das nossas novidades.
Deixe seu email aqui (fique tranquilo, não fazemos spam)
Téo ChatBot